Levantamento do Detran.SP indica o Top 5 dos bairros com mais CNHs registradas na capital

18/10/2021

São Paulo, 18 de outubro de 2021 – Levantamento inédito realizado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran.SP) mostra qual é o Top 5 dos bairros com mais condutores habilitados na cidade de São Paulo. O líder do ranking é o bairro da Vila Mariana, na zona Sul de São Paulo, com 67.901 habilitações. O segundo colocado é Perdizes, na zona Oeste da capital. São 56.236 condutores, 17,2% a menos que na Vila Mariana. Bela Vista com 48.450, Jardim Paulista com 43.953 e Pinheiros com 43.411 condutores, completam a lista.

A pesquisa revela ainda que a soma dos cinco bairros habilitados (259.978) é superior à população total de alguns municípios do interior de São Paulo, como São Carlos (256.915), Americana (244.249), Marília (242.249) e Araraquara (240.542). A quantidade total de motoristas habilitados na cidade de São Paulo é de 6,8 milhões de condutores.

Por outro lado, se compararmos a população habilitada com o total de cidadãos que vivem em cada bairro, algumas posições no ranking se invertem. Com 344.632 moradores, a líder Vila Mariana possui 19,7% dos cidadãos habilitados. Em Perdizes, a realidade é diferente. 50,6% da população é habilitada. De 111.161 pessoas, 56.263 possuem registro da CNH. O índice é parecido também na terceira colocada. Na Bela Vista, região central da capital, de 95.324 habitantes, 50,8% possui registro na CNH.

Sérgio Ejzenberg, engenheiro civil e mestre em Engenharia de Transportes pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (POLI/USP), “os impactos do excesso de veículos nestes locais são prejudiciais em todos os aspectos, como, por exemplo, a perda de tempo por conta dos congestionamentos, as condições atmosféricas e a poluição sonora.

O diretor-presidente do Detran.SP, Neto Mascellani, ressalta que nesses bairros onde a frota de veículos é grande, a importância da postura dos condutores se torna ainda mais importante. “Nesse sentido, gostaria de valorizar o trabalho de educação para o trânsito feito pelo Detran.SP, que orienta os motoristas a agirem de uma forma harmônica com o espaço social”.

De acordo com Horácio Augusto Figueira, engenheiro civil e mestre em transportes pela POLI/USP, a quantidade de condutores habilitados reflete diretamente o poder aquisitivo dos moradores dessas regiões, de classe média alta ou classe alta. “Mas quando você possui um automóvel em bairros que já estão saturados, muitas vezes adquire uma ilusão. “É difícil de estacionar, as pessoas ficam estressadas”, destaca.

Figueira acredita que a classe média baixa está revendo a busca pela habilitação. “O cidadão que usa o transporte coletivo diariamente pensa muitas vezes ao comprar um veículo. Manter um automóvel hoje em dia é muito caro. Cada vez que você roda com o carro, tem o desgaste natural do veículo, que gera um valor financeiro alto. Além disso, os transportes por aplicativo estão em alta. Esses fatores desestimulam o cidadão a ter um veículo na garagem”, complementa Figueira.


Mais veículos

Além de mostrar os bairros com mais condutores habilitados, o levantamento traz também as regiões da capital com mais veículos, que não coincide exatamente com o ranking das CNHs. Neste quesito, Bela Vista lidera o ranking, com 291.315 veículos registrados, seguido de perto por Campos Elíseos, com 286.508. República com 260.557, Pinheiros com 185.845 e Brooklin com 135.145 finalizam a lista. Somados, os bairros representam 1.1 milhão de veículos.

O gráfico mostra que a soma dos cinco bairros com mais veículos é maior que a população de algumas cidades do estado de São Paulo, como São Bernardo do Campo (848.874 habitantes), São José dos Campos (737.310), Santo André (723.889) e Ribeirão Preto (720.116).

Outras notícias

Em dezembro, fatalidades de trânsito superam média anual

10/12/2020

Voltar

 

Retirada CRV

Serviço exclusivo para o CRV, que é o documento de compra e venda. O licenciamento anual agora é digital (CRLV-e).

Saiba mais